Teste aponta que computador da Apple de 1983 responde comandos mais rápido que máquinas atuais

Você deve imaginar que um computador fabricado em 2017 deva ser infinitamente mais rápido e poderoso que qualquer um lançado há 10 ou 20 anos atrás. E pensando assim até que está correto, mas um engenheiro de software que trabalhou para a Google e a Microsoft chamado Dan Luu começou a desconfiar disso. 

Apesar de pensar assim como você, Luu resolveu rodar uma bateria de teste com várias máquinas para testar a chamada latência, o tempo de resposta em uma determinada ação comandada pelo usuário no computador usando apenas um simples toque em um botão do teclado. E o resultado é de se chocar. De acordo com os testes de Luu, um Apple IIe, lançado em 1983 fica no topo da lista no teste de latência batendo computadores equipados com o Windows 10.

 

 

De acordo com o teste de Luu, apesar das máquinas atuais serem mais poderosas e versáteis, elas rodam sistemas operacionais bem mais complexos e pesados que o Apple IIe e por conta disso um simples toque no teclado pode engatilhar uma série maior de processos do que a máquina oitentista da Maçã. Como a maioria das outras da época, essas máquinas rodavam sistemas muito mais simples (como o Basic) que mal eram capazes de aceitar periféricos simples como teclados ou mouses de outras empresas.

Porém, apesar de seus sistemas atuais serem bem mais complexos, a Apple e a Razr estão apostando em formas mais sofisticadas de diminuir o lag de seus próximos lançamentos.