Robô criado no Brasil aponta erros em programação e chama a atenção do funcionário

Novas soluções para auxiliar os profissionais da contabilidade são lançadas todos os dias, mas a brasileira DB1 Global Software inovou desenvolvendo e lançando o simpático Tinbot, que promete ajudar a realizar diversas tarefas, inclusive na declaração de Imposto de Renda.

Já sendo usado para ajudar os funcionários da Trady Assessoria & Consultoria, em São Paulo, o Tinbot pode exercer a função de Scrum Master ou líder de projetos mas pode também ser programado para assumir "personalidades" diferentes como assistente pessoal, professor de inglês, intérprete e recepcionista, tudo dependendo da necessidade da empresa que o adquirir.

Resultado de imagem para tinbot db1
Ele chama a atenção do funcionário que errou um código de programação ou uma fórmula
em uma planilha

Como no caso da Trady, o Tinbot está sendo usado para se comunicar com outros funcionários e clientes e, em breve, vai auxiliar nas declarações de IR. Ana Maria Garcia, coordenadora de marketing da DB1 também afirma que o Tinbot é exigente e um pouco "dedo duro" ao analisar erros em projetos. “Ele é capaz, por exemplo, de identificar erros em fórmulas em planilhas eletrônicas, erros em relatórios, e ele mesmo chama a atenção do funcionário que cometeu o erro", afirmou em entrevista ao Estadão.

 

Imagem relacionada
O Tinbot também está sendo testado como recepcionista na rede paranaense de ensino UniCesumar

 

O desafio agora se encontra em produzir o robôzinho em larga escala, já que no Brasil não há fábricas de robôs e no momento o Tinbot está sendo feito em impressoras 3D, o que leva até 20 dias para que uma unidade fique pronta. A empresa, que investiu R$ 60 mil na tecnologia para uso interno da empresa, pretende começar a vendê-lo por cerca de R$ 10 mil no lançamento.

 

VIA: Computerworld.